Atendendo solicitação via tri-dígito 193, o Corpo de Bombeiros compareceu ao setor rotativo I da empresa Mineração Curimbaba Ltda, onde segundo informações do engenheiro de Segurança do Trabalho, durante o processo de descarregamento de carvão de um veículo pertencente a empresa LNEAR, para o tanque de armazenamento da empresa (silo), ocorreu uma explosão da tampa deste veículo vindo a projetar pó de carvão para o forno, onde conforme relatado ocorreu a ignição, dando origem ao incêndio no veículo e no forno.

O motorista do caminhão foi a única vítima com queimaduras generalizadas pelo corpo, sendo socorrida pela ambulância da empresa, que a conduziu até o Hospital Santa Lúcia para atendimento médico de emergência. Após o socorro à vitima, os brigadistas da empresa deram início ao combate às chamas e o Corpo de Bombeiros ao chegar no local, auxiliou no combate ao incêndio e resfriamento do silo utilizando o esguicho canhão e 15.000 litros d`água, sendo 5.000 litros da viatura de combate a incêndio e 10.000 litros de caminhão pipa que foi utilizado para recalcar para a viatura do Corpo de Bombeiros.

Ao todo foram utilizados aproximadamente 30.000 litros d´água, considerando a água utilizado pelo Corpo de Bombeiros e brigadistas da empresa. Com o monitoramento da temperatura do silo e constatado através de medição que a temperatura diminui para 24º C, a guarnição BM cessou o resfriamento, ficando o local sob observação e avaliação das equipes técnicas de engenharia da empresa.

As causas da explosão e do incêndio não puderam ser determinadas e serão investigadas pelas equipes técnicas e peritos especializados.
A perícia técnica da polícia civil também foi acionada para as providências de praxe.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here